Facebook Linkedin Instagram

Índice ABRAMAT indica janeiro positivo e previsão de crescimento para 2021

A ABRAMAT divulga a nova edição da sua pesquisa Índice, elaborada pela FGV com dados do IBGE, apresentando os dados de faturamento do setor. O estudo indica que em janeiro de 2021, o faturamento deflacionado das indústrias de materiais em comparação com o mesmo mês de 2020, foi 12,8% maior no período. Em comparação com dezembro de 2020, no entanto, houve queda de 3,5%.

 

A nova edição da pesquisa também aponta os dados consolidados de dezembro de 2020. No período, a indústria de materiais de construção teve faturamento 20,5% maior que o observado em dezembro de 2019. O resultado revisado de 2020 indica ligeira queda, de 0,3%, em comparação com 2019. 

 

Para 2021 a previsão da ABRAMAT é de crescimento de 4% no faturamento total deflacionado dos materiais de construção em relação a 2020. “Esta estimativa positiva se baseia no alto nível atual de atividade na construção civil, nas expectativas para a retomada econômica a partir da imunização contra a Covid-19, já iniciada no país e na expectativa da retomada da pauta de reformas no Congresso Nacional”, comenta Rodrigo Navarro, presidente da ABRAMAT.